terça-feira, 8 de julho de 2014

Resenha: Todo dia by David Levithan

Sinopse: Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar. Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon. A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor.



     Com uma capa bem diferente das demais, Todo Dia toma a atenção do leitor, convidando-o para lê-lo.
  E se você tivesse que viver uma nova vida a cada dia, e não pudesse se apegar a nada ou a ninguém? Essa é a verdadeira realidade de A. Seria menino ou menina? Isso nem ele sabe. Todo Dia retrata as várias vidas vividas por A, um adolescente de 16 anos no momento. Mesmo vivendo a vida de várias pessoas, tem seus próprios pensamentos e sentimentos. A tem sempre que se adaptar a nova vida, e o mais difícil não é se adaptar ao corpo e sim ao contexto em que o corpo vive. 
  O que aconteceria se ele se apegasse demais a uma menina cujo nome é Rhiannon? As dificuldades e problemas enfrentados por ambos para poderem se encontrar. Será que ela poderia de acostumar a mudança de corpos diariamente de A e ainda ter que lidar com seu namorado, Justin? 
  Todo Dia, retrata os vários pontos de vistas das pessoas, sendo o modo de viver ou  com quem se lida, e também sua influência em cada uma delas.
  Um romance divertido e único que vai te deixar emocionado e sem palavras, provavelmente um dos meus preferidos, reunindo romance, fantasia e a perspectiva adolescente, que o autor conseguiu destacar bastante, e ao mesmo tempo te faz refletir sobre como as pessoas são influenciadas facilmente pela simples aparência.

    XOXO-Gabriela