segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Resenha: Amy and Matthew by Cammie McGovern

Sinopse:  Amy e Matthew não se conheciam realmente. Não eram amigos. Matthew sabia quem ela era, claro, mas ele também sabia quem eram várias outras pessoas que não eram seus amigos.Amy tinha uma eterna fachada de felicidade estampada em seu rosto, mesmo tendo uma debilitante deficiência que restringe seus movimentos. Matthew nunca planejou contar a Amy o que pensava, mas depois que a diz para enxergar a realidade e parar de se enganar, ela percebe que é exatamente de alguém assim que precisa.À medida que passam mais tempo juntos, Amy descobre que Matthew também tem seus problemas e segredos, e decide tentar ajudá-lo da mesma forma que ele a ajudou.E quando a relação que começou como uma amizade se transforma em outra coisa que nenhum dos dois esperava (ou sabe definir), eles percebem que falam tudo um para o outro... exceto o que mais importa.





 Ok ok, eu tinha prometido a mim mesma que não compraria tantos livros esse ano, mas na última sexta feira fui para uma cidade que no shopping tem a livraria Saraiva - pra quem não sabe, onde eu moro não tem nenhuma livraria, e isso é meio triste - e acabei não resistindo.

 Amy & Matthew me fez lembrar em grande parte Eleanor & Park, principalmente pelo título. Apesar de não ser o original do livro, adorei como a Galera colocou, na tradução do original ficaria " Diga o que quiser " , um pouco sem sentido na minha opinião.

 Amy , pelo que entendi, nasceu prematura e logo em seguida teve paralisia cerebral, os médicos não tinham muita esperança, caso sobrevivesse, viveria como um vegetal. E então ela sobreviveu, mas usava um andador para se movimentar, já que alguns de seus membros não faziam o seu devido papel. É um personagem tão inteligente, no entanto não é perfeita, todos enxergam isso.

 Matt , tem mais problemas do que qualquer um pode dar conta, atormentado constantemente pelo TOC (transtorno-obsessivo-compulsivo) e consumido por pensamentos repetidos - e estranhos - e rituais neuróticos.


 O livro é narrado em 3º pessoa, de modo que pudéssemos ver pelo ponto de vista dos dois personagens. Também foi dividido em duas partes, a primeira é mais sobre a apresentação de cada personagem e a vida de cada um. Já a segunda, lógico que é muito mais agitada que a primeira, além de estar cheia de revelações, muito barraco e reviravoltas chocantes.

 Amy & Matthew foi uma linda e inspiradora história de amor, claro sem todos aqueles clichês de sempre, abre seus olhos para um mundo onde ninguém é perfeito ou tem sempre tudo aquilo que quer, o que deixa tudo mais verdadeiro. Um livro que vai deixar seu coração em pedaços.

 Um dos pontos negativos sobre esse livro foi o final, fiquei esperando aquela coisa toda, que simplesmente não aconteceu, mas mesmo assim não deixa de ser fantástico. E um comentário rápido sobre a mãe da Amy, eu odiei ela com todas as minhas forças.

XOXO - Carol