quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Crônicas


PERSEVERAR

Várias pessoas dizem que sou um "grande exemplo de vida a ser seguido" porque, mesmo possuindo certas limitações causadas pela minha deficiência física, eu faço coisas que muitos outros ditos "normais" não fazem.  Sinceramente, não acho que eu seja tudo isso. Na verdade, estou muito longe de ser exemplo para alguém.
Apenas faço o que tenho vontade e tento superar os obstáculos da vida da melhor maneira possível; tenho força de vontade, coisa que todas as pessoas deste maravilhoso mundo deveriam ter e não tem - ou se tem, precisa ser rapidamente reforçada.  
A regra é simples: se você quer uma coisa, não adianta ficar sentado, esperando cair do céu porque isso definitivamente não irá acontecer. Deus nos ajuda sim - e muito - mas também temos que fazer um pouquinho de esforço para conseguir realizar nossos objetivos. 


  - Juliana Cardoso.