domingo, 17 de maio de 2015

Resenha: A herdeira by Kiera Cass

 Ai meu Deus, ai meu Deus, ai meu Deus. Não posso nem acreditar que depois de pouco mais de um ano esperando o lançamento, finalmente consegui ler. 

 Consegui o livro do jeito brasileiro de ser, alguém divulgou em um grupo literário no qual estou o PDF DO LIVRO!!!! Claro que na mesma hora salvei e comecei a ler, mas logo no primeiro capítulo dei uma desanimada, então conversei com a minha amiga, que também estava lendo e ela me disse para não desistir que valeria a pena. E OMG como ela estava certa!



 O livro conta a história da Seleção de Eadlyn, filha da atual rainha América - oun - "Mas como assim Carol, o trono é sempre do filho mais velho" Bem, Eadlyn é a filha mais velha de quatro irmãos, os outros três, todos meninos. E graças ao atraso de quinze minutos de seu irmão para vir ao mundo, Eadlyn é a futura herdeira do trono, também graças á seus pais, que aboliram a lei de que somente o FILHO mais velho, pode assumir.

 Gostei da personagem por várias coisas, mas a que mais se destacou foi o amadurecimento ao decorrer do livro. Os primeiros capítulos se resumem exatamente assim: "Eu não preciso disso, não há ninguém no mundo mais poderoso que eu". Basicamente, uma menina mimada, arrogante, e que me deu nos nervos. Mas no decorrer do livro, podemos perceber como a personagem muda, de acordo com as circunstancias.

 Desde pequena, Eadlyn tem sido preparada para ser rainha, aprendendo táticas e ainda observando o reinado se seu pai, Maxon. Mas uma coisa para que com certeza não foi preparada: lidar com "um bando de garotos, barulhentos e fedidos". E embora tenha crescido com seus irmãos mais novos, isso seria uma experiência totalmente nova, ainda mais quando estaria sendo uma "distração" para a população.

 E o que Eadlyn achou disso tudo? Estava sendo usada para um reality show, para distrair o povo de seus próprios problemas. Se pudesse, mandaria todos para casa logo no primeiro dia. Claro, que como prometido para seu pai, que já estava muito cansado, e aparentava mais idade do que realmente tinha, ao menos iria tentar.

 Ela só não esperava que depois de apenas algumas semanas no castelo, aquele "bando de garotos barulhentos e fedidos" iria mexer tanto com a cabeça dela. Mesmo os que só havia tido uma rápida conversa, ou os que falaram tudo o que pensavam dela (no sentido ruim da coisa).

 Eu não sabia o que esperar desse livro, que com certeza superou minhas expectativas. Li o livro em dois dias, isso porque não pude passar a noite lendo. Sobre a capa, até agora, é a capa mais bonita da série, na minha opinião, até mais que do último livro, A Escolha. O lançamento da continuação está previsto para o ano que vem, ainda sem título, mas já estou muito ansiosa!

PS: Resenhas sem fotos, porque o livro não chegou :(


XOXO -Carol